Os mercados acionários americanos encerraram sem direção única nesta sexta-feira,

Bolsas de NY terminam mistas, monitorando questões geopolíticas



Os mercados acionários americanos encerraram sem direção única nesta sexta-feira, 25, em meio à queda nos preços do petróleo e com a continuidade das preocupações com os riscos políticos envolvendo a Itália e a Coreia do Norte, o que gerou um movimento de busca por segurança antes do fim de semana prolongado.

O índice Dow Jones fechou em queda de 0,24%, aos 24.753,09 pontos; o S&P 500 recuou 0,24%, aos 2.721,33 pontos e o Nasdaq ganhou 0,13%, aos 7.433,85 pontos. Na semana, os três indicadores apresentaram ganhos: o Dow Jones subiu 0,13%, o S&P 500 avançou 0,28% e o Nasdaq teve alta de 1,16%.

Índices acionários em todo o mundo se esforçaram para ganhar terreno nesta semana, à medida que as disputas geopolíticas levaram os investidores a ativos relativamente seguros, como o ouro e os títulos do Tesouro americano. O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, cancelou a esperada cúpula com o líder da Coreia do Norte, Kim Jong-un, enquanto os investidores continuaram a monitorar a ascensão de partidos antiestablishment na Itália e um escândalo de corrupção na Espanha.

Os movimentos despertaram uma nova onda de incerteza entre os investidores, que se depararam com uma crescente gama de riscos políticos globais. Ainda assim, muitos investidores continuam convencidos de que as tensões reacendidas são impulsionadas por um novo estilo de negociação agressivo, favorecido por políticos iniciantes, incluindo Trump, e que é improvável que causem ruptura a longo prazo. "O que tenho visto nos últimos seis meses é que há muito mais oportunidades do que no ano passado. Há mais coisas acontecendo", disse o gerente da Curreen Capital Management, Christian Ryther.

A negociação foi marcada pela tranquilidade nesta sexta-feira, com alguns traders atribuindo a calmaria ao fim de semana prolongado, já que os mercados financeiros dos EUA estarão fechados na segunda-feira devido ao feriado do Memorial Day.

As ações de energia reagiram às perdas acentuadas do petróleo. O subíndice de energia do S&P 500 perdeu 2,61%, aos 547,77 pontos, com as fortes perdas da Chevron (-3,49%) e da ExxonMobil (-1,49%). Com isso, o sentimento positivo das techs foi apagado. Já a Netflix voltou a renovar máxima histórica, com alta de 0,57%, a US$ 351,29, superando a Walt Disney em valor de mercado. Fonte: Dow Jones Newswires.

Source: jb.com.br